Vice da Câmara declara oposição contra Bolsonaro e fala sobre impeachment

O deputado Marcelo Ramos, vice-presidente da Câmara, declarou oposição à Bolsonaro, após críticas do Presidente em relação à forma como Ramos liderou a votação da Lei de Diretrizes Orçamentárias.

Leia também:

A sessão, que sancionou a LDO e o fundo eleitoral de quase R$ 6 bilhões, foi duramente criticada por Bolsonaro e pela opinião pública. Entretanto, a reação de Bolsonaro surpreendeu, visto que seus aliados votaram a favor da proposta aprovada. 

Instagram @bolsonarosp (Eduardo Bolsonaro)

Além de se posicionar contra Bolsonaro, Ramos já começou a agir a favor do processo de impeachment. Ele solicitou cópia dos 126 pedidos que pedem a saída do Presidente e disse que vai estudar os casos e ver se há viabilidade política. 

Os pedidos de impeachment ficam sob responsabilidade do presidente da Câmara, Arthur Lyra, aliado do governo federal.

Em entrevista para a Folha de SP, Ramos também citou as afirmações que Bolsonaro fez, ontem, sobre a não realização das eleições de 2022, caso o voto impresso não seja aprovado. “Ameaçar o processo eleitoral já é crime de responsabilidade”, disse Ramos. “Não vou recuar”.

Comments

comments

Leave a Reply
Your email address will not be published. *

Click on the background to close