Rússia diz ter aprovado primeira vacina contra coronavírus

Vladimir Putin, presidente da Rússia, revelou nesta terça, 11, que o país se tornou o primeiro do mundo a obter uma aprovação regulatória para uma vacina contra a covid-19.

Leia também:

“Eu sei que ela funciona muito efetivamente, forma uma imunidade forte, e eu repito, ela passou por todas as checagens necessárias”, declarou Putin em uma reunião de governo transmitida pela TV. A imunização foi desenvolvida pelo Instituto Gamaleya, de Moscou. Ainda segundo o presidente, uma de suas filhas já recebeu a vacina.

A velocidade com que a Rússia conseguiu a aprovação da vacina gera uma preocupação nos especialistas, que apontam que o país poderia ter colocado a pressa em ser o primeiro país a ter o imunizante à frente da saúde das pessoas e da ciência.

A OMS (Organização Mundial da Saúde) indicou que está em contato com o governo russo para checar o avanço nas pesquisas, porém destaca que essa imunização ainda não passou por uma avaliação da entidade internacional.

Segundo a Organização, qualquer vacina, antes de ser aprovada, precisa passar por um exame “rigoroso” no que se refere “segurança e eficiência”.

Vacinas em teste

Atualmente, 160 vacinas contra a covid-19 estão em fase de pesquisa no mundo todo. Destas, seis estão em fases avançadas de testes, incluindo uma desenvolvida pela Universidade de Oxford e outra realizada em cooperação entre o Instituto Butantan, de São Paulo, e uma empresa chinesa.

Foto: Unsplash

Comments

comments

Leave a Reply
Your email address will not be published. *

Click on the background to close