Reações à vacina da AstraZeneca são comuns, dizem especialistas

Se você ou alguém que conhece tomou a vacina da Oxford/Astrazeneca contra a covid-19 deve ter reparado que o imunizante causa bastante efeitos colaterais. O Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) e especialistas afirmam que tais efeitos são bem comuns e não existem motivos para pânico.

Leia também:

Segundo a bula da Fiocruz, laboratório responsável pela produção da vacina no Brasil, entre as reações adversas mais reportadas estão: dor no local da injeção, dor de cabeça, fadiga, mal-estar, calafrios e náusea.

“Essas reações, na grande maioria das vezes, são bem toleradas e o benefício de se tomar a vacina é enorme”, alerta o infectologista Esper Kallás ao UOL.

No exterior, alguns pouquíssimos casos de trombose foram relatados, porém especialistas alertam que se trata de algo extremamente raro. “Em relação ao risco de trombose relatado com a vacina de Oxford, devemos alertar que é um evento adverso considerado muito raro, principalmente quando comparado à incidência normal de trombose entre a população, em geral”, indica um comunicado divulgado pelo Conass.

Ainda segundo o órgão, o benefício em ser vacinado em maio a pandemia é muito maior do que os efeitos colaterais. Quando alguém se recusa a tomar a vacina contra a Covid-19, apenas por não ser aquela desejada, ela continua desprotegida e corre o risco de se infectar, além de levar a doença para outras pessoas também.

“Talvez você esteja com medo de possíveis reações adversas de algumas vacinas, mas saiba que eles são raros e quase sempre sem sequelas. Na maioria dos casos esses efeitos não passam de febre, dor de cabeça e indisposição”, disse o Conselho Nacional.

Veja alguns dos relatos de pessoas que tomaram a vacina da Astrazeneca:

Sempre bom lembrar: NÃO ESCOLHA A VACINA! Apenas aceite o imunizante e vamos juntxs sair dessa pandemia.

Comments

comments

Leave a Reply
Your email address will not be published. *

Click on the background to close