Nova Zelândia zera casos de coronavírus após adotar duras medidas de confinamento

Você se lembra quando a gente contou que a Nova Zelândia estava se saindo muito bem no combate ao coronavírus por conta da gestão de sua primeira-ministra, Jacinda Ardern? Agora, a gente mostra o resultado de todas essas medidas tomadas por ela: o país zerou os casos de covid-19 e já pode se considerar livre da pandemia.

Leia também:

Para controlar o coronavírus, neozelandeses adotaram uma quarentena rígida de sete semanas. No período, a maioria das empresas foi fechada e todos, exceto trabalhadores essenciais, tiveram que ficar em casa. Ainda antes da primeira morte acontecer no país, Jacinda adotou medidas duras, fechando fronteiras e criando 4 níveis de alerta, definindo claramente o que se podia ou não fazer.

Ao mesmo tempo, a primeira-ministra apoiou financeiramente as empresas, estabeleceu diálogo transparente com a população com lives diárias em suas redes sociais, garantindo adesão completa aos planos e cortando seu próprio salário e o de seus ministros em 20%.

“Não conheci absolutamente ninguém aqui que não estivesse por dentro de todos os passos os governo”, conta Caio Silva, brasileiro que mora na Nova Zelândia. “A comunicação envolveu propaganda paga em todas as redes sociais e parceria com influencers. Cada região era minuciosamente detalhada em casos, suspeitas e indícios.”

Comments

comments

Leave a Reply
Your email address will not be published. *

Click on the background to close