LGBTQIAP+: descubra o que significa cada letra da sigla

Nos anos 2000, era comum o uso da sigla GLS para se referir a gays, lésbicas e simpatizantes. Com o passar dos anos, e com o objetivo de ser mais inclusiva, esa sigla cresceu – ainda bem! Hoje, a maneira correta de se referir à comunidade é usar as letras LGBTQIAP e o sinal de + no final.

Leia também:

Algumas pessoas também usam apenas LGBTQ+ ou LGBTQIA+, o que também está tudo bem. O sinal de soma no final mostra a importância de abrangermos todas as pessoas, orientações sexuais e identidades de gênero.

Porém, em pleno 2021 algumas pessoas ainda debocham do tamanho da sigla que representa a nossa comunidade e luta – entre elas, inclusive, algumas personalidades da TV bem conhecidas. E outras, por falta de informação, acabam não se expressando da maneira correta e inclusiva que deve ser. Por isso, a gente te conta abaixo o que significa cada letrinha dessa sigla tão maravilhosa. Se liga:

L: lésbicas

São mulheres, sejam elas cisgênero ou transgênero, que se sentem atraídas por outras mulheres.

G: gays

A orientação sexual engloba homens, cis ou trans, que se sentem atraídos afetivamente ou sexualmente por outros homens.

B: bissexuais

Homens e mulheres que sentem atração afetiva ou sexual tanto por homens, como por mulheres.

T: transgênero

A letra “T” engloba identidades de gênero. Mulheres e homens transgênero são aqueles que não se identificam com o gênero biológico que lhes foram designados ao nascer. Mulheres travestis também se enquadram na sigla e se apresentam assim para demarcarem a luta e a resistência de travestis ao longo dos anos.

Q: queer

Traduzido do inglês, a palavra significa “estranho” e sempre foi usada como ofensa. Hoje, a nossa comunidade se apropriou do termo e o transformou em algo que designa pessoas fora das normas de gênero e que se veem como sendo de um terceiro gênero, fluido ou andrógino.

I: intersexo

São pessoas que podem nascer com genitais correspondentes a um sexo, porém ter o sistema reprodutivo e os hormônios do outro. As suas combinações biológicas e o seu desenvolvimento corporal não se enquadram na norma binária, ou seja, masculino ou feminino. 

A: assexual

Pessoas assexuais não sentem atração sexual por outras pessoas, independente do gênero. Isso não significa que elas não podem desenvolver sentimentos afetivos e amorosos por outros indivíduos.

P: pansexual

São pessoas que sentem atração por todos os gêneros, em todas as suas manifestações, sem restrição.

+

O mais é uma referência de acolhimento a todas as manifestações da sexualidade como, por exemplo, os não-binários (pessoas que não se identificam nem como homens e nem como mulheres).

Fonte: Educamais Brasil, UOL

Comments

comments

Leave a Reply
Your email address will not be published. *

Click on the background to close