Kanye West chama Kris Jenner de “supremacista branca” e diz que está tentando se divorciar de Kim Kardashian

Kanye West voltou a preocupar seus fãs com uma série de tuítes bem alarmantes. Na madrugada desta quarta, 22, o rapper disse que está tentando se divorciar de Kim Kardashian há dois anos e chamou a sua sogra, Kris Jenner, de “supremacista branca”.

Leia também:

“Eles tentaram voar com dois médicos para me 51/50 [uma referência à internação à força]”, escreveu ela na rede social. “Estou tentando me divorciar desde que Kim se encontrou com Meek [Mill, rapper] no Warldolf pela ‘reforma penitenciária’. Eu tenho mais 200 para aguentar. Este é o meu tuíte da noite… Kris Jong-Un Lil, meu rapper favorito, mas não faz uma música comigo.”

“MJ falou sobre Tommy antes de matá-lo”, continuou ele antes de apagar as mensagens. “Kim salvou a vida das minhas filhas em nome de Jesus. É a escolha de Deus. Vou viver pelos meus filhos. Kris. Estou no Cody, se você não está planejando mais uma das sessões ‘playboy’ dos seus filhos. “Kriss e Kim divulgaram uma declaração sem a minha aprovação… Não é isso que uma esposa deve fazer. Supremacista branca.”

Desde o começo da semana, Kanye estaria, segundo seus fãs, no meio de um episódio maníaco causado por seu transtorno bipolar. Em um comício realizado no domingo, 19, ele chorou abertamente ao falar sobre aborto. Segundo ele, Kim quase abortou a primeira filha do casal, North West, a pedido dele. O artista ainda revelou que seu pai havia pedido para sua mãe interromper sua gravidez.

“Minha mãe salvou minha vida. Não haveria Kanye West, porque meu pai estava muito ocupado”, disse ele. “Eu quase matei minha filha! Eu quase matei minha filha!”

Comments

comments

Leave a Reply
Your email address will not be published. *

Click on the background to close