Estátua de um bandeirante é incendiada e gera debate político

Fotos de uma estátua em chamas tomou conta das redes sociais neste final de semana. O episódio aconteceu no sábado, na zona sul de São Paulo. Aproximadamente 20 pessoas atearam fogo à base da estátua do bandeirante Borba Gato. 

Leia mais:

Ao lado do ato, estenderam uma faixa com as frases: “Revolução periférica” e “A favela vai descer e não será Carnaval”. Figuras políticas de esquerda se manifestaram a favor da queimada do monumento e o consideraram um ato importante. Já personalidades da direita se revoltaram e chegaram a denominar o ataque como “terrorismo”. 

Reprodução Instagram

O episódio seguiu uma linha de protestos que visam destruir figuras que representam o colonialismo e a escravidão. Nos Estado Unidos, uma série de monumentos colonialistas foram derrubados durante as manifestações de 2020. Na Inglaterra, protestantes jogaram uma estátua do traficante de escravos Edward Colston no rio.

Segundo a Polícia Militar sobre o ato deste sábado, não houve feridos nem detidos. O Corpo de Bombeiros foi chamado e apagou o incêndio rapidamente. 

Comments

comments

Leave a Reply
Your email address will not be published. *

Click on the background to close