Elliot Page fala pela primeira vez desde que se assumiu um homem trans e diz estar pronto pra “ser quem é por inteiro”

Em sua primeira entrevista desde que se assumiu um homem trans, em dezembro de 2020, Elliot Page contou à revista Time que esta é a primeira vez que ele pode “ser quem é por inteiro”. O ator também contou que fez a mastectomia, processo cirúrgico que consiste na retirada dos seios.

Leia também:

“Não só mudou minha vida, como salvou minha vida. Eu passava tanto tempo e gastava tanta energia me sentindo desconfortável com o meu corpo, e agora tenho essa energia de volta”, contou ele.

Quando ele contou publicamente sobre ser um homem trans, o astro de The Umbrella Academy conta que recebeu muitas mensagens de apoio, mas também acabou lendo muitos comentários transfóbicos. “Pessoas extremamente influentes estão por aí espalhando mitos e argumentos nocivos sobre pessoas trans, questionando a nossa existência. Nós somos muito reais.”

Segundo ele, o que mais o fez esconder de que “sempre se sentiu como um homem” foi a pressão que Hollywood faz com os astros desde pequenos. “Sempre perguntava à minha mãe se eu poderia ser um garoto um dia. Mas me tornei ator profissional aos 10 anos de idade, e isso significava ter um visual específico. Por muito tempo, era insuportável olhar para fotos minhas.”

Os efeitos da quarentena

Elliot revelou que o isolamento social causado pela pandemia do novo coronavírus o fez repensar sobre as coisas que ele realmente quer. Portanto, se assumir no final de 2020 foi apenas um resultado dessa reflexão.

“Tive muito tempo sozinho para realmente focar nas coisas que penso, então de muitas maneiras, inconscientemente, eu estava evitando”, disse ele, que se diz inspirado por ícones trans pioneiros em Hollywood, como Janet Mock e Laverne Cox.

“Eu finalmente fui capaz de aceitar ser transgênero e me permitir tornar-me totalmente quem eu sou”, completa ele.

Comments

comments

Leave a Reply
Your email address will not be published. *

Click on the background to close