Bea Miller: “Está tudo bem se sentir insegura, é uma experiência natural do ser humano”

Um dos piores sentimentos que um jovem pode sentir é a falta deles. Essa é a mensagem principal da música Feel Something, da cantora Bea Miller. A redação do Domínio Pop bateu um papo com a artista americana sobre música, quarentena e até sobre espaço. Só rolar a página pra ver o que rolou.

Leia também:

Sobre Feel Something

O single Feel Something foi lançado em 2019, mas sua repercussão ainda está dando o que falar. “Eu escrevi essa música quando estava passando por uma fase estranha da minha vida, na qual eu me sentia muito desconectada com o mundo ao meu redor”, disse Bea. Ela contou que sempre foi uma pessoa muito intensa e isso a ajudava no processo de criação musical, por isso, essa falta de conexão a deixava muito desconfortável.

Para a surpresa dela, essa falta de emoções não é tão incomum quanto ela achava. A cantora disse que muitos fãs se identificaram com a mensagem da música. Entretanto, quando questionada se essa fase havia passado, Bea respondeu: “eu entro e saio dessa fase com muita frequência”. Gente como a gente!

Redes sociais são catalisadoras

Apesar de ter apenas 21 anos, Bea tem opiniões muito fortes e maduras. Ela nos disse que acredita que as redes sociais são grandes causadoras dessa falta de sentimentos. “Elas eliminam um pouco nossa habilidade de nos conectarmos emocionalmente uns com os outros”, disse a cantora. “Não é socialmente aceito não estar feliz e positivo.”

Bea conseguiu expressar essas ideias no videoclipe da música Feel Something, que se passa em um ambiente futurista, no qual a tecnologia ultrapassa a humanidade. “Isso me assusta às vezes”, ela disse. A cantora contou que tentou transmitir no vídeo a visão distópica que ela tem da modernização da nossa sociedade.

A presença da astronomia na vida de Bea vai muito além do videoclipe. “Acho que muitas crianças querem ser astronautas, mas esse sonho nunca morreu para mim”, disse a cantora sobre seu fascínio pelo espaço e sua imensidão. “Eu ainda tive a oportunidade de usar roupa espacial”, brincou a artista, relembrando as gravações de Feel Something.

Please, come to Brazil!

Bea ainda não teve muitas oportunidades de apresentar Feel Something ao vivo devido a pandemia do coronavírus. Ela disse que está muito grata pelas pessoas estarem se conectando com a música, mas que estava bem ansiosa para fazer performances esse ano e sair em turnê. “Eu sinto que uma grande parte da minha vida está sendo tirada de mim”, ela disse. Não podia ter nos representado melhor, Bea!

Bom, uma notícia boa sempre cai bem né? Então, se prepara, que essa bomba a Bea contou com muito carinho para o Domínio Pop: O BRASIL ESTÁ NA LISTA DOS PRÓXIMOS DESTINOS DA BEA MILLER! Isso mesmo, ela disse que haviam planos para um show no Brasil ainda neste ano, mas assim que a saúde possa ser garantida, ela virá conhecer os fãs brasileiro.

Sua mensagem para jovens fãs

Assim como Feel Something, outras músicas de Bea Miller carregam uma mensagem importante e impactam jovens no mundo todo. “Para mim, sempre foi muito importante ser bastante honesta com meus fãs”, ela disse. Bea contou que, quando ela era jovem, sentia que as cantoras se comportavam como se fosse uma performance, agiam de acordo com o que era “permitido”. “Eu sempre senti que estava recebendo uma versão limpa de tudo e de todos, principalmente de jovens mulheres”, comentou Bea.

A cantora tem uma mensagem clara para transmitir. “Está tudo bem se sentir insegura, é uma experiência natural do ser humano”, ela disse. “Não tem problema se sentir boba por algumas escolhas que fazemos, podemos seguir em frente”, finalizou Bea com um sorriso contagiante.

Comments

comments

Leave a Reply
Your email address will not be published. *

Click on the background to close