Alok revela que quase desistiu de live de fim ano após complicações no nascimento de sua filha

Eleito o quinto melhor DJ do mundo em 2020, Alok promete fazer uma das lives mais legais do ano no próximo sábado, 19. A partir das 21h, a apresentação que será transmitida pelo Multishow vai reunir uma tecnologia cinematográfica e estrutura 4D.

A live ainda terá uma estrutura de lasers que será possível ser visualizada do espaço. “O laser é uma forma de materializar um sentimento dentro de nós de emanar um pouco de luz. É uma tecnologia que me ajuda bastante nas apresentações. Eu não sou cantor, não tenho uma banda”, contou ele em entrevista que o DOMÍNIO participou.

Lasers da live de Alok poderão ser vistos do espaço

Apesar da expectativa, Alok conta que quase desistiu da live após sua esposa, Romana, contrair covid-19 e passar por um parto bem complicado – a bebê do casal chegou ao mundo após 8 meses de gestação por conta de um distúrbio de coagulação causado pelo coronavírus. “A música tem o poder de cura emocional. Eu precisava conduzir isso. Sei que muitas pessoas não estão bem. Retomei a live com esse propósito”, disse ele.

Lado filantrópico

O artista ainda possui um lado muito voltado para a caridade. Recentemente, ele fez uma doação de R$ 27 milhões para um instituto que leva o seu nome. Segundo ele, a filantropia nasceu após ele sofrer com a depressão.

“Eu não acreditava em Deus, achava que isso era uma bobagem. Várias vezes entrava em conflitos por conta do tema. Mas, aí, tive uma depressão e sempre me pegava pensando no que viria depois da morte. Esses pensamentos me deixavam bem ansioso”, contou ele. “Aí, eu comecei a me abrir para a espiritualidade e enxergar o mundo de forma diferente. Foi isso que levou para a caridade.”

Tudo mudou quando ele teve contato com espíritas e começou a exercitar mais o seu lado espiritual.

Comments

comments

Leave a Reply
Your email address will not be published. *

Click on the background to close