Além do 8 de Março: um breve desabafo sobre o Dia da Mulher

Se você, que está lendo esse texto agora, é mulher provavelmente recebeu diversas mensagens sendo parabenizada pelo Dia Internacional da Mulher. Você agradeceu o carinho e compartilhou com outras mulheres. Se você, que está lendo esse texto agora, é homem, provavelmente enviou mensagens parabenizando as mulheres presentes na sua vida, talvez sem nem saber o porquê dessa atitude. Mas e amanhã?

Leia também:

Amanhã as mulheres voltam a ser assediadas no transporte público. Amanhã as mulheres continuam a receber salários menores. Amanhã as mulheres serão chamadas de loucas por denunciar situações misóginas. O machismo retornará ao nosso dia a dia antes mesmo das flores que você recebeu hoje murcharem.

Por isso, o breve texto de hoje é para lembrarmos que a luta pela igualdade e respeito vai além do dia 8 de Março. Nossa luta (e digo nossa para mulheres e homens) é se opor a comentários machistas de colegas, é incentivar as mulheres a denunciar assédios, é conhecer e valorizar arte e estudo produzido por mulheres. Nossa luta é apoiar que tenhamos a liberdade de escolha sobre os nossos corpos, é defender que mulher pode usar a roupa que quiser sem se sentir ameaçada, é respeitar tanto as mulheres que escolhem se dedicar 100% à família e à casa quando as que optam por se debruçar a carreira profissional …

Mas mesmo depois de tantas lutas e tantos dias 08/03, você sempre verá mais um caso revoltante de feminicídio nas notícias. Quando esses momentos te desanimarem, respire. Respire fundo. Pense que, no passado, as mulheres não podiam votar, nem trabalhar, nem mesmo produzir arte. E foram lutas como as nossas de hoje, que nos trouxeram onde estamos. Por isso, não desanime! Agradeça os parabéns que você recebeu hoje. Mas não se esqueça: amanhã a luta por igualdade de gênero continua! 

Foto: Unsplash

Comments

comments

Leave a Reply
Your email address will not be published. *

Click on the background to close