Shawn Mendes fala sobre maconha e diz que especulações sobre sexualidade é “dolorosa”

Capa da revista Observer, integrante do jornal The Guardian, Shawn Mendes abriu o coração e falou sobre drogas, especulações sobre sua sexualidade e como faz para manter a sua saúde mental em dia. Na entrevista, o boy falou que boatos sobre ele ser gay são “dolorosos”. “Eu fico com raiva quando as pessoas tiram suas próprias conclusões sobre mim porque eu creio que há pessoas que não têm o sistema de apoio que eu tenho e que esse tipo de coisa deve afetá-las. É por isso que eu fico com raiva e você pode ver que ainda me irrito”, disse.

Leia também:

“Quando fazem comentários estúpidos sobre mim, podem magoar tantas outras pessoas. Elas podem não estar falando, mas estão ouvindo”, continuou o cantor.

 

View this post on Instagram

 

A post shared by Shawn Mendes (@shawnmendes) on

Após ter revelado que “ama maconha”, Shawn disse que não esperava que a declaração causasse tanta repercussão negativa. “Isso não me incomoda… Na verdade, eu fiquei feliz com isso porque talvez seja bom para eles entenderem que a maconha não é uma coisa tão importante assim”, explicou. “Tenho 20 anos e só quero me divertir. O que eu não quero fazer é viver o resto da minha vida pensando: ‘Eu não faria isso porque sou conhecido como o Príncipe Encantado’. No segundo em que alguém coloca você em uma personalidade, você não quer mais ser essa pessoa.”

Sobre sua saúde mental, ele revelou que ler comentários sobre ele o afeta muito. “As últimas 48 horas foram tão desgastantes, apenas lendo o que as pessoas estão dizendo sobre mim. Há algo na natureza do ser humano que faz você querer ler. Estou com medo das mídias sociais e do quanto isso me afeta. Não é que eu seja vaidoso, mas eu passo muito tempo lendo sobre mim.”

 

Comments

comments

Leave a Reply
Your email address will not be published. *

Click on the background to close