Redes sociais são mais nocivas para meninas do que para meninos, revela estudo

Foto: Projetado pelo Freepik

O efeito que as redes sociais podem causar em crianças e adolescentes pode ser ainda mais nocivo em meninas do que nos meninos, revelou um estudo publicado pela Universidade de Essex, no Reino Unido.

A pesquisa feita com cerca de 10 mil famílias e com crianças a adolescentes entre 10 e 15 anos mostra que as garotas costumam usar as redes sociais muito mais do que os garotos – com 15 anos de idade, 43% delas usam as redes por pelo menos uma hora por dia, contra 38% deles.

10 frases e expressões machistas que você precisa parar de usar

De acordo com os pesquisadores, o nível de felicidade das meninas se mostrou inferior do que o dos meninos. O estudo aponta que as redes sociais têm um papel essencial nisso tudo, já que meninas tendem a fazer mais comparações entre si do que outros, enquanto garotos investem o seu tempo em jogos, por exemplo.

“Claro que os jovens precisam de acesso à internet para a lição de casa, assistir TV e conversar com os amigos. Mas eles provavelmente não precisam de duas, três horas conversando, compartilhando e se comparando uns com os outros nas mídias sociais todos os dias”, conta Cara Booker, autora da pesquisa. De acordo com ela, passar muitas horas online é que seria o grande problema.

 

Comments

comments

Leave a Reply
Your email address will not be published. *

Click on the background to close