Mc Soffia: “A melhor parte de ser mulher é saber que somos livres para fazer o que quisermos”

A cantora MC Soffia, de apenas 14 anos, vai à escola diariamente e vive os dilemas da adolescência, assim como qualquer outra garota de sua idade. Mas ela também carrega com si a vontade de lutar por representatividade e transformar a sua paixão pelo hip hop em opinião forte e um grito por tantas outras garotas negras espalhadas pelo país. O seu primeiro rap veio quando ela tinha 10 anos e se tornou um sucesso na internet, tanto que ela marcou presença na lista das mulheres mais inspiradoras da BBC – tudo isso com apenas 14 anos.

Naomi Wadler é a ativista de apenas 11 anos que você precisa conhecer

“Na época da minha mãe não existiam muitas referências, então eu acho muito bom quando adultos também se identificam com a mensagem que quero passar”, contou em entrevista ao DOMÍNIO POP.

Soffia sentiu a necessidade de falar sobre temas como racismo e representatividade desde cedo. Em casa, ela já aprendia sobre esses assuntos com sua mãe, Kamilah Pimentel, de 33 anos, então passar essas opiniões para as letras de rap foi natural e ela vê como algo importante de sua carreira.

Atualmente, Soffia se aceita exatamente como é, mas nem sempre foi assim: a sociedade fez com que ela não gostasse do cabelo crespo por muito tempo, porém, como ela contou pra gente, “se amar e conhecer a sua própria história” são passos essenciais para chegar a aceitação de seu próprio corpo.

Foto: Reprodução

Através de suas letras e atitudes, Soffia também batalha para que as mulheres sejam cada vez mais referência na sociedade. “Ser mulher é ser forte”, se orgulha. “A melhor parte é saber que somos livres para fazer o que quisermos.” E ela ainda conta que o maior conselho que ela já recebeu de outra mulher foi que sempre temos que “lutar como uma garota”. Amamos!

E como a música chegou em sua vida? “Minha mãe sempre me levava em eventos de rap, aí eu fiz uma oficina e comecei a cantar.”

Sobre sua carreira, Soffia se inspira muito nas divas da música urbana. “Gosto da Karol Conka, Tássia Reis, Iza, Ludmilla, Beyoncé, Rihanna, Nick Minaj e Cardi B.” Ou seja, só divas!

Por aqui, a gente só agradece a Soffia por estar sendo uma referência pra tanta gente desde tão cedo.

 

 

Comments

comments

Leave a Reply
Your email address will not be published. *

Click on the background to close