Escócia se torna o primeiro país a aprovar educação sobre LGBTs em escolas

Foto: Shutterstock

A Escócia acaba de se tornar o primeiro país a aprovar a educação sobre LGBTs em escolas. Os ministros do país aceitaram as recomendações do programa “Time for Inclusive Education” (“Tempo para Educação Inclusiva”, em tradução livre), que inclui informações sobre a história do movimento LGBT e informações que combatam a homofobia e a transfobia.

Leia também:

“Esta é uma vitória monumental para a nossa campanha e um momento histórico para o nosso país. A implementação da educação inclusiva LGBTI em todas as escolas estaduais é uma das primeiras do mundo”, conta Jordan Daly, cofundador da TIE, ao The Guardian. “Em um momento de incerteza global, isso envia uma mensagem forte e clara aos jovens LGBTI de que eles são valorizados aqui na Escócia.”

Segundo estudo divulgado pelo TIE, 9 a cada 10 escoceses LGBTs já relataram ter sofrido homofobia e 27% já tentaram o suicídio.

Para John Swinney, vice-primeiro ministro, o sistema de educação “deve apoiar todos para alcançar seu pleno potencial. É por isso que é vital que o currículo seja tão diverso quanto os jovens que aprendem em nossas escolas”.

Que isso inspire outros países a fazerem o mesmo, né?

Comments

comments

Leave a Reply
Your email address will not be published. *

Click on the background to close