Dicas e truques para evitar a pele ressecada no inverno

Foto: Shutterstock

É só a temperatura cair que a nossa pele começa a sentir os efeitos do inverno. É coceira pelo corpo todo, lábios ressecados, pele descamada… Nossa rotina de beleza precisa ficar ainda mais intensa e cuidadosa com esse região do nosso corpo.

Leia também:

Saber o que está acontecendo com a sua pele é essencial para contornar esses efeitos e sair com sua cútis brilhando por aí. Quer saber como? Dá só uma olhada nessas perguntas e respostas sobre o ressecamento na estação mais fria do ano:

Por que a pele no inverno tende a ficar mais seca?

No inverno o clima fica mais seco, provocando o ressecamento da epiderme. Os banhos mais quentes e esfoliantes frequentes acabam agravando ainda mais o problema, portanto, é bom ficar atenta a isso.

Posso esfoliar a pele no inverno?

Apenas as peles mais oleosas podem ser esfoliadas semanalmente no inverno. As peles normais podem ser esfoliadas a cada 15 dias e as mais secas, apenas uma vez ao mês.

Por que a pele coça mais nos dias frios?

A pele coça mais no inverno porque fica mais ressecada e sensível. A redução do manto hidrolipídico deixa a pele mais susceptível à irritações e infecções.

É verdade que o banho quente resseca?

Sim, a água do banho deve estar morna. A água quente tende a ressecar a pele, piorando a coceira e provocando descamação.

Posso usar sabonete?

Sim, usar sabonete em pouca quantidade e preferencialmente líquido com base suave e hidratante.

O quanto devo hidratar?

A hidratação deve ser feita diariamente, ao menos uma vez ao dia, preferencialmente, após o banho quando a absorção do produto fica otimizada.

Como cuido da pele oleosa e seca?

A pele mais oleosa pede hidratação leve, com produtos à base de água, livres de óleo. A pele mais seca já requer maior atenção no inverno, necessitando de produtos à base de ativos mais ricos em lipídios, que refaçam a barreira epidérmica, recuperando o manto hidrolipídico.

Por que os lábios racham tanto?

Os lábios são áreas de semi mucosa, de modo que têm uma proteção menor aos fatores externos como sol, vento e o frio. Sendo assim, eles precisam estar protegidos com produtos específicos para evitar que rachem no inverno. O hábito de passar a língua nos lábios só agrava o problema pois o pH da saliva agride ainda mais a região.

 

Quem ajudou?

Andréa Sampaio – Dermatologista

Carolina Quintão – Dermatologista

 

Comments

comments

Leave a Reply
Your email address will not be published. *

Click on the background to close