Depilação com cera: por que o método é o mais indicado no inverno?

Foto: Shutterstock

No inverno, muita gente acaba deixando a depilação um pouco de lado por ser uma estação em que mostramos menos o corpo. É claro que ninguém mesmo é obrigado a se preocupar com isso, mas se você decidiu eliminar os pelinhos extras do corpo, aqui vai uma dica: na estação mais fria do ano, opte pela depilação a cera – e a gente conta o porquê!

Leia também:

O calor da cera ajuda a abrir os poros da pele – e o inverno contribui para deixá-los ainda mais fechados -, explica a especialista no assunto, fundadora e CEO da rede Pello Menos, Regina Jordão. “O método é o mais recomendado, pois a cera quente ajuda a remoção dos pelos e diminui as dores no procedimento. Além disso, ela também evita o surgimento de manchas no corpo”, completa.

Outra vantagem do uso da cera é que as irritações na pele são evitadas, mesmo com a queda de temperatura. “É importante lembrar que a esfoliação ajuda na remoção dos pelos, então, deve ser feita regularmente. E a hidratação, indispensável mesmo no inverno, também evita que a pele fique ressecada, dificultando o processo depilatório”, afirma Regina.

Outra dica: independente da época, a incidência dos raios UVA e UVB permanece praticamente a mesma. Então, mesmo em dias nublados, as áreas depiladas que ficam expostas devem ser protegidas. O uso do protetor previne não somente o aparecimento de manchas, mas também o envelhecimento precoce da pele. Anotou?

 

Comments

comments

Leave a Reply
Your email address will not be published. *

Click on the background to close