Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Não que a gente precise de um motivo para que isso seja definitivamente provado, mas se você ainda possui pelo menos 1% de dúvida de que a homossexualidade é uma doença, a gente te garante: não, ela NÃO é!

Dráuzio Varella, um dos médicos mais importantes e respeitados do Brasil, deu uma entrevista em 2014 e nela fez uma pergunta que pode fazer os preconceituosos e intolerantes refletirem: “Que diferença faz para você, para a sua vida pessoal, se o seu vizinho dorme com outro homem, se a sua vizinha é apaixonada pela colega de escritório? Que diferença faz para você? Se faz diferença, procura um psiquiatra. Você não tá legal.”

Revista Elle Brasil coloca casal LGBT na capa – e isso é TÃO importante!

O vídeo em que Varella diz isso voltou à tona no calor das discussões sobre uma liminar de um juiz federal que permitiria que os psicólogos do Brasil tratassem a homossexualidade como doença. Vale lembrar que a famosa “cura gay” foi proibida pelo pelo Conselho Federal de Psicologia (CFP) em 1999.

“A sexualidade é. Ela se impõe. A gente não escolhe. Aqueles que acham que a homossexualidade é um desvio, uma aberração da natureza, dizem isso por ignorância. Porque se fosse assim ela seria exclusiva dos seres humanos, mas a homossexualidade tem sido documentada em todos os animais, praticamente. Em todos os vertebrados”, diz ele, citando primatas, pássaros e répteis”, explica Drauzio no vídeo.

Segundo ele, a homossexualidade é um comportamento tão normal quanto a heterossexualidade. “Você pode controlar o comportamento. Você vive numa sociedade heterossexual, então você se comporta daquele jeito, como se comportaria numa sociedade homossexual. Mas você não controla o desejo. O desejo humano é incontrolável. Comportamento pode ser, mas o desejo não há como controlar.”

Veja o vídeo:

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Comments

comments

Leave a Reply

Your email address will not be published.