7 lições de vida que aprendi com “10 Coisas Que Odeio Em Você”

Dizer que 10 Coisas Que Eu Odeio Em Você é praticamente uma obra-prima da cultura pop não é exagero algum. O filme, que chegou aos cinemas em 1999 – há exatos 20 anos -, nos apresentou uma releitura de The Taming of the Shrew, de Shakespeare: Bianca Stratford (Larisa Oleynik) não foi autorizada a namorar até que sua irmã mais velha, Kat (Julia Stiles), arranjasse um namorado. O filme tem absolutamente todos os elementos que precisamos para fazer um bom filme adolescente dos anos 90. 

Leia também:

Mas indo além, posso dizer que 10 Coisas ainda possui lições de vida que valem até hoje. Aqui estão algumas das coisas que aprendemos com Kat, Bianca, Patrick, Cameron e o resto do elenco maravilhoso desse clássico:

1- Você não precisa se sentir pressionadx a seguir a moda
Se há uma coisa que fica clara logo de cara, é que Kat Stratford não segue as regras. Embora possa ser fácil se envolver com as tendências e pressões do ensino médio, a personagem serve como lembrete de que não há problema em marchar em seu próprio ritmo durante os dias escolares.

2- Ninguém é perfeito
Sim, a garota popular da sua sala tem os mesmos medos e inseguranças do que você ou qualquer outro adolescente. É uma das coisas mais normais da vida e todos nós passaremos por isso algum dia.

3- Valorize seus irmãos
Ao longo do filme, Kat e Bianca costumam discutir ou se evitar nos corredores da escola. Enquanto a história continua, ambos percebem a importância uma da outra. Seu relacionamento cativante e às vezes rochoso nos ensina que nossos irmãos sempre estarão ali para nos ajudarem ou serem nosso porto seguro. 

4- Seja quem você é. Sempre!
Nunca. Nunca mesmo mude seu jeito de ser para agradar um crush. Tenha certeza que um dia você encontrará alguém tão lindamente maravilhoso quanto você, não importa quanto tempo isso demore.

5- Heath Ledger foi e sempre será um ícone
O momento em que Heath cantou Can’t Take My Eyes Off You é simplesmente uma das cenas mais inesquecíveis do cinema. Por mais que ele tenha mostrado suas atuações impecáveis em outros filmes depois de 10 Coisas, é difícil esquecer seu retrato complexo e enigmático de Patrick Verona. 

6- A música resolve quase todos os problemas
Todos nós temos nossos métodos de lidar com os problemas da vida, e para Kat, sua válvula de escape foi assistir aos shows de suas bandas favoritas. Lembre-se: a música sempre pode transformar qualquer dia ruim.

7- Não há problema algum em se mostrar vulnerável
Em uma cena bem emocionante, Kat lê um poema dirigido a Patrick. Depois de ter passado boa parte do filme escondendo como ela realmente se sentia, Kat desmorona, chorando quando revela quão profundamente ela se preocupa com Patrick. Não há problema algum em chorar, mesmo em público. 

Comments

comments

Leave a Reply
Your email address will not be published. *

Click on the background to close